MP-CECRE

 

Mestrado Profissional em Conservação e Restauração de Monumentos e Núcleos Históricos

Apresentação

 

O CECRE AGORA É MESTRADO PROFISSIONAL

CLIQUE AQUI E CONSULTE O RESULTADO DA SELEÇÃO DA EDIÇÃO DE 2014

APRESENTAÇÃO

O MP-CECRE é fruto da experiência das 15 edições do CECRE como curso de especialização, um curso de excelência que foi reconhecido pela UNESCO e IPHAN como um dos melhores programas mundiais de formação na área de preservação cultural. O curso, ao longo desses anos, formou alguns dos principais quadros na área de Conservação e Restauração do Brasil e dos países latino-americanos, além de profissionais da África e Europa.

 

Ao ser reconhecido pela CAPES como Mestrado Profissional, o CECRE pretende dar seguimento a esta formação de qualidade, contando com um maior aprofundamento das questões teóricas e práticas, visando colocar no mercado novos mestres ainda mais qualificados para atuar no campo da preservação do Patrimônio Arquitetônico e Urbanístico, sem dúvida, uma área fundamental dentre as políticas publicas contemporâneas. Este curso é dirigido, exclusivamente, para arquitetos urbanistas e engenheiros civis.

 

Como Curso de Especialização em Conservação e Restauração de Monumentos e Conjuntos Históricos - CECRE - o curso foi uma atividade regular da  Faculdade de Arquitetura  da Universidade Federal da Bahia, oferecido bianualmente por esta Instituição, desde 1981, contando com o apoio do IPHAN- Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional,  da UNESCO e de outras importantes instituições nacionais e internacionais da área da preservação cultural.

 

O CURSO

 

O Curso tem a duração de um ano com aulas presenciais em período integral - manhã e tarde. No primeiro semestre, além das disciplinas teórico-conceituais, serão desenvolvidos os ateliês de cadastro e diagnóstico. No segundo semestre serão ministradas as disciplinas de complementação e o ateliê de projeto.

Mais informações sobre o calendário, processo seletivo e inscrições, veja o menu ao lado.

A periodicidade do curso é bianual.

 

O HISTÓRICO DO CECRE

  • O CECRE se constituíu em um marco na história da formação de recursos humanos para a área da preservação dos bens culturais na América Latina, não só pela quantidade e qualidade dos profissionais que tem preparado, mas também pela constante atualização e incorporação de novos conteúdos e conceitos ao seu universo de trabalho.

  • A partir de 1990, o CECRE passou a ser considerado pela UNESCO um dos mais importantes programas mundiais para a capacitação de técnicos da área de preservação de bens culturais, ápice de uma trajetória de crescimento e de reconhecimento do curso no âmbito nacional e internacional.

  • O nível da abrangência e do aprofundamento dos conteúdos abordados na estrutura curricular do curso proporcionou a formação de quadros altamente capacitados. Alguns destes foram responsáveis pela deflagração de processos de implantação de políticas de preservação em locais onde estas eram inexistentes, especialmente em alguns países latino-americanos e africanos.

  • Os ex-alunos do CECRE hoje ocupam posições de destaque em diversas organizações oficiais ligadas ao ensino, à pesquisa e às políticas de preservação dos bens culturais, no Brasil e no exterior. Atuam como professores e pesquisadores em importantes universidades brasileiras (USP, UnB, UFBA, UFSC, etc.) e como técnicos em instituições da área cultural ( IPAC, na Bahia, IEPHA em Minas, CONDEPHAT em São Paulo, representações regionais do IPHAN nos estados do RS, SC, RJ, MG, MS, GO, PA, DF, BA, PE, CE, MA, entre outros) - assumindo inclusive postos de comando e posições de liderança na discussão e proposição de políticas de preservação nestas e em outras instâncias estaduais  e municipais, no Brasil e em outros países da América Latina.

  • Os trabalhos desenvolvidos individualmente por cada estudante, resultaram efetivamente em projetos executivos de restauração e/ou preservação de monumentos e áreas de interesse histórico/cultural e são o principal instrumento de avaliação do desempenho dos alunos.

  • Incluem-se entre os projetos executados a partir destes trabalhos, obras de grande importância regional, no Brasil e na América Latina, tais como: a recuperação de fortificações em Santa Catarina, palacetes ecléticos no Rio Grande do Sul, casarões do centro histórico de Salvador, exemplares da arquitetura moderna em São Paulo e Salvador, além da definição de normas e critérios de preservação de áreas históricas de diversas localidades brasileiras e de outros países latino americanos

  • Os projetos e planos não executados constituem-se num banco de dados que fica à disposição das instituições parceiras, como subsídio ao desenvolvimento de novos estudos e projetos.

  • Os alunos estrangeiros formados pelo CECRE configuram uma parcela cada vez maior de profissionais atuantes em países latino-americanos e africanos de língua portuguesa, além de Portugal. Já participaram do curso técnicos de Angola, Argentina, Bolívia, Cabo Verde, Colômbia, Cuba, Costa do Marfim, Costa Rica, Equador, Haiti, Paraguai, Moçambique, Nicarágua, Portugal, República Dominicana, São Tomé e Príncipe, Uruguai e Venezuela.

  • O contingente de alunos brasileiros formados pelo CECRE abrange os mais diversos estados: Alagoas, Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins.

  • O CECRE deu origem à área de concentração em “Conservação e Restauro” do Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo – área de Conservação e Restauro – da UFBA (PPG/AU) que compreende Mestrado e Doutorado (grau A pela avaliação da CAPES) mantendo profunda integração com o mesmo e desenvolvendo diversas atividades conjuntas.

  • O curso está afinado não apenas com as mais recentes discussões teórico-conceituais do campo da preservação cultural, mas também com a prática de programas de formação de mão-de-obra para a restauração, destacando-se a experiência escola/oficina promovida pela UFBA juntamente com o Governo da Espanha, o IPHAN e o Governo da Bahia, em andamento.

  • O quadro de docentes do curso conta com a participação de renomados consultores internacionais da UNESCO, além de professores brasileiros com reconhecida atividade profissional, em sua grande maioria mestres e doutores.

  • O CECRE passa a ser Mestrado Profissional (MP-CECRE), aprovado pela CAPES em outubro de 2009.

Instalações

Contato e Informações

Corpo docente

Disciplinas

Processo seletivo

Inscrições

Trabalhos realizados

Parceiros

Notícias

Bibliografia Básica

Calendário do MP- CECRE